Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de M*

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de M*

15
Jan20

O meu diário de leitura.

O primeiro diário de leituras que tive foi um de capa preta e letras brancas da Bertrand. Usei-o para fazer o registo de citações, resumos e notas importantes sobre os quatro ou cinco livros que li e anotei. Depois, com o tempo, fazia-o no blogue ou anotava os títulos dos livros que lia numa agenda e não voltei a comprar outro diário.

 

82288527_490192621901971_2686685782348922880_n.jpg

 

Passaram-se, talvez, cinco anos e decidi comprar este diário de leituras da Helena Magalhães... foi amor à primeira vista. Diferente do único que tive, cativou-me a capa e o facto de ser um caderno de argolas. O interior é todo ele delicado e trabalhado, detalhes que o tornam especial e único. Personalizável (a caneta Hermione - da Primark - está a cobrir o meu nome), com elegância e requinte.

 

82343459_1071946396474173_8298517981474848768_n.jp

 

Não sei quantos livros escreverei por aqui, mas acredito que a beleza deste diário será uma inspiração e motivação para escrever mais.

 

83423050_995317104171382_3551164297038004224_n.jpg

 

Para quem quiser saber mais sobre a Helena Magalhães, o seu book gang e sobre estes diários de leituras basta consultar:

| Helena Magalhães Instagram | HMBookGang | HelloMagaPaper | Diários de Leitura |

14
Mar19

A caixa literária de Fevereiro da Ms.everythingshop .

A caixa literária mistério do mês de Fevereiro da Ms.Everythings não poderia ser outra coisa senão maravilhosa. Inspirada e dedicada às mulheres e ao dia 8 de Março, a caixinha foi composta por um livro escrito por uma mulher, um presente mistério e uma actividade relaxante, 

 

55480164_494692907728788_779813563844788224_n.jpg

 

A caixa contém uma máscara de beleza, um pack de massagens (para uma pessoa) da Odisseia e o livro da escritora portuguesa Helena Magalhães, Diz-lhe que não - livro que já li e cuja opinião podem ler aqui. O livro, infelizmente, eu já tenho; portanto, contactei a vendedora e conseguimos fazer a troca do livro por outro. Os restantes miminhos que compõem está deliciosa caixinha mistério serão, sobretudo a massagem, de grande utilidade. 

 

54433247_1933764910066702_9046226974019682304_n.jp

 

O lado menos positivo deste conceito é, sem duvida, a possibilidade de nos calhar um livro cujo o tema ou autor não apreciamos ou a repetição de livros que já temos. Todavia, apesar deste não, considero a ideia engraçada e divertida porque dá-nos a conhecer novos autores e a oportunidade de explorar novas áreas literárias. Quem não conhece, ainda, este conceito de caixas literárias mistérios não sabe o que anda a perder: aqui podem conhecer mais sobre as três caixas portuguesas do momento.

02
Jan19

Leituras (actualizado) do ano de 2018.

| Nas Asas do Tempo de Diana Gabaldon (livro 1 da saga Outlander) (opinião)

| Uma Prece ao Mar de Khaled Hosseini

| Uma Vida Muito Boa de J. K. Rowling (opinião)

| Uma Questão de Classes de Joanne Harris

| Todos Devemos Ser Feministas de Chimamanda Ngozi Adichie

| Os Passageiros do Tempo de Alexandra Bracken

| A Libélula Presa no Âmbar (livro 2 da saga Outlander)

| Diz-lhe Que Não da Helena Magalhães (opinião)

| A Improbabilidade do Amor de Hannah Rothschild

| Louca de Chloé Esposito

| Vitória - A Jovem Rainha de Daisy Goodwin

| Antes de Sermos Vossos de Lisa Wingate 

| A Sereia de Brigton de Dorothy Koomson

| As Flores Perdidas de Alice Hart de Holly Ringland (opinião)

| Uma Mulher em Fuga de Lesley Pearse

| Para Lá do Inverno de Isabel Allende

| Isabel de Aragão de Isabel Stilwell

| O Desaparecimento de Stephaine Mailler de Joel Dicker

| A Sociedade Literária da Tarte de Casca de Batata de Mary Ann Shaffer e Annie Barrows (opinião)

| O Coração de Simon Contra o Mundo de Becky Albertalli

| A Guerra Que Salvou a Minha Vida de Kimberly Brubaker Bradley

| Afinal as Feministas Até Gostam de Homens de Patrícia Motta Veiga

| Os Meninos Que Enganavam os Nazis de Joseph Joffo (opinião)

| O Dia Em Que Te Perdi de Lesley Pearse

| A Doçura da Chuva de Deborah Smith (opinião)

| Retrato de Família de Jojo Moyes

| Procura-me Quando a Guerra Acabar de Amy Harmon

| No País da Nuvem Branca de Sarah Lark 

| Destroços de Emily Bleeker

| Quando Hitler Roubou o Coelho Cor-de-Rosa de Judith Kerr

| A Casa das Meninas Indesejadas de Joanna Goodman

02
Nov18

Leituras do ano de 2018.

O ano de dois mil e dezoito ainda não terminou mas eu decidi fazer uma lista dos livros que li até à presente data, sem qualquer ordem de preferência ou de tempo:

| Nas Asas do Tempo de Diana Gabaldon (livro 1 da saga Outlander) (opinião)

| Uma Prece ao Mar de Khaled Hosseini

| Uma Vida Muito Boa de J. K. Rowling (opinião)

| Uma Questão de Classes de Joanne Harris

| Todos Devemos Ser Feministas de Chimamanda Ngozi Adichie

| Os Passageiros do Tempo de Alexandra Bracken

| A Libélula Presa no Âmbar (livro 2 da saga Outlander)

| Diz-lhe Que Não da Helena Magalhães (opinião)

| A Improbabilidade do Amor de Hannah Rothschild

| Louca de Chloé Esposito

| Vitória - A Jovem Rainha de Daisy Goodwin

| Antes de Sermos Vossos de Lisa Wingate 

| A Sereia de Brigton de Dorothy Koomson

| As Flores Perdidas de Alice Hart de Holly Ringland (opinião)

| Uma Mulher em Fuga de Lesley Pearse

| Para Lá do Inverno de Isabel Allande

| Isabel de Aragão de Isabel Stilwell

| O Desaparecimento de Stephaine Mailler de Joel Dicker

| A Sociedade Literária da Tarte de Casca de Batata de Mary Ann Shaffer e Annie Barrows (opinião)

| O Coração de Simon Contra o Mundo de Becky Albertalli

| A Guerra Que Salvou a Minha Vida de Kimberly Brubaker Bradley

| Afinal as Feministas Até Gostam de Homens de Patrícia Motta Veiga

| Os Meninos Que Enganavam os Nazis de Joseph Joffo (opinião)

| O Dia Em Que Te Perdi de Lesley Pearse

Poucos foram os que consegui deixar a minha opinião aqui no blogue, seja por falta de tempo, inspiração ou bloqueio, embora e por norma, a lista fosse actualizada no goodreads. Este ano, porém, nem isso... a lista dos livros deste ano no goodreads não é actualizada provavelmente desde o primeiro livro que conclui este ano. Era, naquela rede social, uma forma de controlar as leituras apesar de nem sempre conseguir escrever a minha opinião sobre um livro no blogue.

 

Culpa da mudança de trabalho, este ano andei mais desligada das todas as redes sociais e, por consequência, dei por mim a tentar perceber quais foram as minhas leituras de dois mil e dezoito. Não foram muitos mas, com a lista de cima, consigo perceber que:

- li vinte e quatro livros até hoje;

- o volume de livros que li neste ano, contrariamente ao que pensava, é muito similar ao de outros anos - embora existem livros muito pequeninos, com menos de cem páginas;

- demoro mais de duas ou três semanas a ler um livro - independentemente do tamanho; os dois primeiros da saga Outlander demoraram mais de um mês cada um a ler, apesar de adorar o género e a escritora;

- talvez não seja pior ideia andar mais vezes com um caderno na mala ou no automóvel de modo a anotar ideias e detalhes de cada livro, bem como de temas para o blogue;

- leio muito poucos livros escritos por homens;

- tenho uma predilecção pelos romances históricos, nomeadamente, os que envolvem a II Guerra Mundial - pelo menos três envolvem esta temática e vários outros são de épocas históricas;

- a saga Outlander tornou-se uma das minhas favoritas, porque envolve tudo o que eu gosto - mistério, romance, história, suspense, etc.

 

Por outro lado, abandonei cerca três livros no decorrer deste ano porque não consegui criar vínculo com a escrita, história e personagens ou, porque simplesmente sinto que ainda não é o momento ideal para os ler, são eles:

 

| Anne Karenina de Liev Tolstói - comecei a ler e embora estivesse a gostar, senti que aquele não era o momento ideal, que preciso de o ler numa fase em que esteja totalmente calma e concentrada, por exemplo, em férias;

| Pássaros Feridos de Colleen McCullough - não me consegui ligar às personagens e considerei a narrativa muito lenta e demorada;

| A Amiga Genial de Elena Ferrante - quase o conclui, fique a umas cento e cinquenta páginas do fim, forcei-me a ler-lo pelas críticas tão positivas e maravilhosas sobre ele mas achei-o tão aborrecido e sem graça... uma desilusão. Ou não era a altura ou eu não lhe captei a essência... simplesmente, comigo não funcionou.

 

Apesar de faltarem menos de sessenta dias para o final do ano e de eu provavelmente ainda conseguir entre dois a quatro livros até lá, aqui fica a lista de livros lidos até Novembro. Actualmente, ando a ler este:

 

20181102_111315.jpg

 

Quanto aos meus preferidos do ano e até à presente data, igualmente sem qualquer ordem de preferência:

| os três da saga Outlander da Diane Gabaldon

| Para Lá do Inverno de Isabel Allande

| A Sereia de Brigton de Dorothy Koomson

| As Flores Perdidas de Alice Hart de Holly Ringland (opinião)

| O Desaparecimento de Stephaine Mailler de Joel Dicker

01
Nov18

Diz-lhe Que Não de Helena Magalhães.

Diz-lhe-Que-Nao.jpg

 Diz-lhe Que Não da portuguesa Helena Magalhães é um daqueles livros pequenos e de fácil leitura, recheado de humor e boa disposição, onde dificilmente uma leitora não se revê numa ou em várias histórias e personagens. O livro relata-nos as diversas experiências da autora, amigas e companheiras sobre o amor e a forma como homens e mulheres o encaram. É um livro inteligente, divertido e muito bem conseguido, recheado de mensagens sublimes... é impossível não retiramos uma pequena mensagem de cada história relatada. Por outro lado, mesmo a pessoa mais sem experiência em relações amorosas ou aventuras de relevo (que é o meu caso: tive um amor não correspondido, um namoro fracassado e a minha actual relação, mas nunca fui de me envolver em muitas aventuras), facilmente se revê numa ou noutra personagem, numa ou noutra história... o difícil é não nos identificarmos ao longo da leitura. 

 

Cruzei-me (que é como quem diz... porque na verdade, nunca a vi e moramos a vários quilómetros) com a Helena Magalhães e este seu primeiro livro no instagram. Gostei do que publicava, revi-me em muitos dos aspectos que escreve e publica nas redes sociais - blogue, youtubefacebookinstagram - e decidi, por fim, acompanha-lá nas mais diversas plataformas digitais.

 

Quando descobri, precisamente pelo instagram, de que escreverá este livro, inicialmente, não tive muita curiosidade em ler. Com o tempo e com as partilhas da Helena nas redes sociais sobre críticas ao seu livro, resolvi adquiri-lo embora tenha ficado largos meses na minha mesa de cabeceira sem que lhe pegasse. Fiz-o recentemente, após abandonar uma leitura, por se tratar de um livro pequeno e de fácil transporte, capítulos pequenos e aparentar ser de fácil leitura. Confesso que, no entanto, não tinha grandes expectativas quando a esta leitura porque o avaliava como sendo um livro baseado em clichés sobre o amor e temia ser mais um livros  a não concluir... mas enganei-me redondamente e simplesmente adorei-o. Revi-me em passagens e personagens, como já o referi anteriormente, ri-me à brava com situações vividas pelas personagens, as experiências são reais e senti que era uma leitura obrigatória para qualquer mulher. Não sendo o meu género de livros, tenho de admitir que me arrependo de não o ter lido mais cedo. Diz-lhe Que Não é um daqueles livros onde o amor e as mulheres são o tema principal, mas sem as lamechismos características dos romances mais românticos, com toques de humor, numa escrita simples, acessível e inteligente.

 

Avaliação (de um a cinco): 3*

companhia literária...

Mais sobre mim

foto do autor

| A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida. Fernando Pessoa. |

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Mensagens

Sigam-me

Facebook