Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de M*

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de M*

1M/12L | Mês de Janeiro.

12509843_464178610437827_1645904318529588524_n.jpg

 

Rainha Vermelha de Victoria Aveyard será a minha leitura para o desafio literário 12 Meses, 12 Livros.

 

O mês de Janeiro é, uma vez que a seis deste mês se celebrou o Dia dos Reis, subordinado a Reis e Rainhas. A ideia é ler um livro sobre a vida de um Rei ou Rainha ou um livro que contenha a palavra Rei/Rainha no seu título.

 

Inicialmente, pensei em ler Catarina de Bragança - Princesa de Portugal e Rainha de Inglaterra - de Isabel Stilwell mas, admito, embora admire a escrita da autora, não me sinto entusiasmada em absorver conteúdos históricos... e à imenso tempo que tinha este livro na minha extensa lista de livros para um dia ler. Juntei, por isso, o melhor de dois: responder ao desafio e ler um livro que desejava... a Catarina de Bragança chegará o dia da sua leitura. 

 

Resta-me, no entanto, terminar Galveias de José Luís Peixoto. 

 

Recebi Rainha Vermelha hoje e é a minha escolha desafio 366 dias de fotografia - partilhada no instagram e facebook

 

imagem do desafio literáario 12.jpg

2016: o ano dos desafios.

A ideia é simples: para dois mil e dezasseis proponho-me a realizar três, talvez mais - ainda não sei bem - desafios. A plano foi fermentando na minha cabeça onde, ontem, por fim, enrijeceu e assumiu formas. Espero que o ano de dois mil e dezasseis seja marcado por coisas boas e quero deixar o seu registo... e, caso não seja este, de facto, o ano de mudanças que seja, pelo menos, o ano em que procurei superar-me. O meu problema com os desafios é que depressa me aborreço, ou me esqueço de registar, e como de pequenos passos se dá a mudança... comecemos o ano com desafios.

 

Bora (propositadamente assim escrito... como se fala na minha zona)  conhecer os meus desafios para dois mil e dezasseis?

tumblr_o089seBdph1qkik3go1_500.png

 

O primeiro desafio intitula-se 366 dias do meu ano em imagens e já começou no facebook e instagram. O plano é, como o título indica, mostrar pequenas coisas do meu dia-a-dia, especialmente através de fotografias tiradas por mim - mas não só -, que me fazem feliz. Procurar, mesmo nos dias mais tristes e ruins, alguma coisa que me faça sorrir, registar e partilhar. Pequenas coisas que fazem a diferença. O desafio será partilhado aqui, no blogue, não sei com que regularidade - uma vez por semana ou mês -, mas podem acompanhar-me nas redes sociais mencionada. 

Captura de ecrã 2015-01-2, às 10.50.38.png

Captura de ecrã 2015-01-2, às 10.51.04.png

 

Apelidado desafio das 52 semanas, o desafio foi roubado à Vanessa, nuages dans mon café, e à Ana, De repente já nos... 40!!!, onde acompanhei ou acompanho as suas escolhas. O desafio 52 semanas consiste em responder a cinquenta e duas questões, elaborando um top cinco de preferências, nos mais diversos temas. Uma vez por semana, possivelmente à segunda-feira, publicarei as minhas escolhas.

 

tumblr_libvtstNNW1qd6g2no1_500_large-11.jpg

 

E, para dois mil e dezasseis, sendo eu uma amante de livros, não poderia deixar de faltar um desafio literário ou 12 livros segundo os meses do ano. Roubado do blogue Champagne Choque, o desafio consiste em ler doze livros, um para cada mês de dois mil e dezasseis, mediante os temas seleccionados.

 

tumblr_m3mtznwi6v1qkcwdno1_500_large.jpg

 

Na verdade, pretendo envolver-me em mais do que um desafio literário. Manter o desafio das leituras conjuntas, junto das meninas do clube das pistogas que lêem - Magda, Nathy e Sofia -, ou de quem quiser comigo aventurar-se na leitura. Ler não é algo que necessite de desafios porém, quero ser capaz de me aventurar, superar, desafiar.

 

Não assumem contornos de desafio porém, acima de tudo, de resolução para este ano: reler alguns livros que me marcaram. Quero reler a saga Harry Potter e os livros A Sombra do Vento e Estrada da Noite, o primeiro de Carlos Ruiz Zafón e o último de Kristin Hannah - e esperando ler dois livros seus que reclamam atenção na estante dos livros por ler, O Rouxinol e Entre Irmãs. A releitura destes livros são desejos antigos, sobretudo a saga de J.K. Rowling, e embora não assumam contornos de obrigatoriedade como os desafios, quero ser capaz de dedicar um pouco de tempo a estes livros que marcaram uma parte da minha adolescência ou me marcaram pela delicadeza e sensibilidade das histórias - e basta pesquisar um bocadinho nas tags do blogue para compreender. 

 

tumblr_l58hypiZgA1qbln3h.jpg

 

A nível pessoal - perguntam vocês - existem outros desafios que num outro post procurarei partilhar... trabalho, amor, vida social.

 

O ano de dois mil e dezasseis é, para mim, um ano de desafio e, espero, de mudanças. Por isso, para o ano que ontem começou, este são os meus desafios... e para cada um deles criarei um separador específico. 

Eu, perante vós, me confesso ...

... sob pena de condenação, acho piada aos bonequinhos do facebook. Já os usei. Dispensaria 'riso', 'alegria' e 'tristeza'. Bastava, para ser sincera, o botão de 'gosto' e 'não gosto'. Mas, não sendo o caso, também não desgosto. Considero-os uma forma diferente e pessoal de expressão. 

Facebook-Reactions.jpg 

A Feira do Livro,

... é em Lisboa. Mas, para mim, que moro num cantinho do Norte português, longe da grande capital, a minha Feira do Livro é em segunda mão, 

11358707_1015492178470203_1246931955_n.jpg

Seis euros. Um verdadeiro achado. E, depois, para acrescentar à minha Feira pessoal de Livros, inclui-se a note.it,

11291839_1015492175136870_362395607_n.jpg

Portanto e resumindo, eis a minha Feira do Livro: livros em segunda mão e a note.it para comprar em primeira mão.

Coisas que eu não entendo ...

... no universo dos grupos de livros no facebook,

 

gente-necessidade-disso-600x280.jpg

 

- Coloco a fotografia da capa de um livro que PROCURO mas, há-de aparecer uma alma a perguntar-me qual o preço do dito livro.

(a desculpa é, quase sempre, ah, desculpe, não tinha reparado! abre os olhos, alma, abre os olhos!)

 

- Coloco alguns livros para VENDA ou TROCA e, novamente, um iluminado ou iluminada me há-de perguntar se são para venda ou se aceito trocas.

(não, alminha... apeteceu-me vir passear meia dúzia de livros para um grupo de facebook)

 

- Tenho o cuidado de, junto a cada fotografia de livro que estou a vender, colocar o ESTADO dos ditos livros mas, porque dá muito trabalho ler as descrições ou analisar as fotografias, toca a perguntar-me sobre o livro X e Y. 

 

- E, porque também já me aconteceu... junto a cada livro, informo sobre o PREÇO C/ PORTES INCLUÍDOS mas, porque não é suficientemente claro, mas são 5€ com os portes de envio ou tenho de os pagar à parte? 

(epah, se quiser pagar mais, sinceramente, eu cá não me importo)

 

Para finalizar e porque um amigo me colocou a seguinte questão,

 

Captura de ecrã 2015-05-4, às 10.03.43.png

 

xs6wd0.gif

 

e eu que julgava estar a vender almofadas em forma de livros!