Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de M*

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de M*

17
Out18

A lei (ou a falta dela) nas estradas portuguesas.

Por força do meu actual trabalho, em que o automóvel é considerado o meu ambiente de trabalho, vi-me obrigada a deslocar-me por estradas nacionais e auto-estradas com mais regularidade do que até ao início deste ano. Não sei se é porque nunca fui uma amante da condução ou se porque o fazia com pouca regularidade, apenas quando necessário, mas sou frequentemente assaltada por uma dúvida enquanto conduzo: desde quando é que a estrada virou um salve-se quem puder... a lei da selva? 

 

É ultrapassagens em zonas proibidas ou quando existem automóveis a circular em sentido contrário, colocando todos - quem ultrapassa, quem é e quem circula na outra faixa, fora outros - em risco; é falta de civismo nas cedências, são vermelhos que não são respeitados, peões que se colocam em risco, velocidades que não são respeitadas, ultrapassagens em curvas fechadas, estacionamentos que não lembram, como se costuma dizer, "ao diabo" e tanta coisa que jamais me passaria pela cabeça. Não uma, não duas e nem tão pouco três vezes que senti a minha vida em risco, em travagens arriscadas e forçadas para evitar danos maiores porque alguém achou que o deveria fazer... e é assustador imaginar que podemos assistir ou estar envolvidos num acidente sem culpa. 

 

1_38YciI_Z_necDNGPtEhtPQ (1).jpeg

 

Vou fazer quase um ano em que o automóvel se tornou o meu escritório. Conduzo, aproximadamente, desde 2014 e de lá para cá, cada vez mais me convenço de que as estradas portuguesas se tornaram uma autêntica selva, apesar de todas as campanhas de prevenção rodoviária, multas e leis... até quando?

companhia literária...

4 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • M*

    acho que foi esse o meu problema com o segundo liv...

  • A rapariga do autocarro

    Esta saga é maravilhosa, acho que é por os livros ...

  • M*

    bolas... quando comprei a caixa, por estar entusia...

  • Magda L Pais

    Acho que me vou inscrever tambem :)já cá tenho est...

  • M*

    Sim, é mesmo :) mas obrigada*

| A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida. Fernando Pessoa. |

Facebook

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D