Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de Maria, 29 anos*

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de Maria, 29 anos*

Sobre os desafios para 2016.


M*

03.01.16

Eu, cabeça de vento, confesso-me: quando respondia aos comentários no post sobre os desafios a que me proponha, notei que me esqueci de colocar as questões correspondentes ao desafio 52 semanas 12 meses, 12 livros. Enfim... felizmente o esquecimento não paga imposto e, portanto, aqui ficam os textos correspondentes a cada um dos desafios mencionados.

 

rekhkrhlrw.jpg

 

O desafio 52 semanas consiste em responder, no decorrer do ano de dois mil e dezasseis, a cinquenta e duas questões, elaborando para cada uma delas um top de cinco preferências.  

 

Semana 1: Coisas que me fazem ficar feliz

Semana 2: Eu nunca...

Semana 3: Coisas para se fazer no calor

Semana 4: As minhas citações preferidas são: (trechos de livros, de músicas, frases de autores, etc)

Semana 5: Fazem parte da minha wishlist

Semana 6: Os super poderes que eu gostaria de ter se fosse um super herói seriam…

Semana 7: Eu sempre…

Semana 8: Os melhores filmes infantis que já assisti foram...

Semana 9: Pessoas que eu gostaria de conhecer/ter conhecido

Semana 10: As minhas comidas favoritas são...

Semana 11: Os meus brinquedos favoritos na infância eram...

Semana 12: Coisas para se fazer no frio

Semana 13: Fico envergonhada quando…

Semana 14: Os meus sites favoritos na internet

Semana 15: O que há de pior no mundo virtual?

Semana 16: Isso, para mim, não é diversão

Semana 17: Personagens cuja vida eu gostaria de viver por um dia: (filmes, livros, séries, etc)

Semana 18: Sinto saudades…

Semana 19: As minhas séries preferidas

Semana 20: Fico de mau humor quando…

Semana 21: Os meus piores defeitos

Semana 22: No meu frigorífico tem de haver...

Semana 23: Coisas que me incomodam no mundo contemporâneo

Semana 24: Casais preferidos (filmes, séries, livros, etc)

Semana 25: Tenho pavor de…

Semana 26: Se eu pudesse mudar de profissão, eu seria…

Semana 27: Coisas divertidas para se fazer nas férias

Semana 28: Minhas maiores “neuras” e manias são...

Semana 29: Filmes que me falam ao coração

Semana 30: Fico impaciente com pessoas que…

Semana 31: Quando não tenho nada para fazer, gosto de…

Semana 32: Ainda quero aprender

Semana 33: Tenho medo de…

Semana 34: Livros que eu acho que toda a gente deveria ler

Semana 35: As minhas piores compras foram...

Semana 36: Morro de preguiça de…

Semana 37: O que, de melhor, o mundo virtual te trouxe/traz?

Semana 38: Desculpa, mas eu acho reles...

Semana 39: As minhas melhores qualidades

Semana 40: Os meus "cheiros" preferidos são...

Semana 41: As coisas mais difíceis num relacionamento amoroso são...

Semana 42: Queres acertar no meu presente? Então dá-me…

Semana 43: Músicas que eu não me canso de ouvir

Semana 44: Os meus vilões preferidos são...

Semana 45: Lembra-me a minha adolescência

Semana 46: Parece que todos sabem _______________, menos eu.

Semana 47: Quando eu estou apaixonada…

Semana 48: Nunca tive coragem de…

Semana 49: Lugares no mundo que eu gostaria de conhecer

Semana 50: Pessoas que eu admiro

Semana 51: Coisas que me marcaram neste ano

Semana 52: No ano que vem eu quero.

 

desafio.jpg

 

O desafio literário 12 meses, 12 livros consiste em ler doze livros mediantes temáticas relacionadas com cada mês do ano de dois mil e dezasseis. Não significa, porém e obviamente, que me dedique exclusivamente a essas leituras ou temáticas. E, para este desafio, seleccionei alguns livros da minha estante de livros por ler mediante a temática do mês. No entanto, todos os livros registados podem sofrer alterações, ou seja, posso optar por outro livro, sem esquecer a temática, que esteja na minha extensa lista de desejos e o tenha adquira ou optar por um livro recém editado.  

 

1. Janeiro, o mês onde se celebra o dia de Reis: ler um livro sobre um Rei ou Rainha ou que incluía no título a palavra Rei ou Rainha.

Catarina de Bragança de Isabel Stilwell

ou

O Pasteleiro Que Queria Ser Rei de Portugal de Ruth Mackay

ou

Rainha Vermelha de Victoria Aveyard *

 

2. Fevereiro, o mês do Carnaval e da celebração do amor: escolher um romance romântico, uma comédia romântica ou um livro cómico/divertido.

Persuasão de Jane Austen

ou

A Montanha Entre Nós de Charles Martin

 

3. Março, mês do dia internacional da Mulher: um livro escrito por uma mulher.

(uma das seguintes escritoras)

Jodi Picoult, Jojo Moyes, Dorothy Koomson ou Kristin Hannah

 

4. Abril, uma adaptação cinematográfica: ler um livro que foi adaptado a filme.

Palmeras En La Nieve de Luz Gabás **

 

5. Maio, mês do Trabalhador: um livro cujo o título seja sobre uma profissão.

O Livreiro de Mark Pryor

 

6. Junho, o mês onde o dia de Portugal é celebrado: um livro escrito por um escritor português.

A Mentira Sagrada ou O Último Papa e ambos de Luís Miguel Rocha

 

7. Julho, inicio do Verão: um livro de capa azul ou que incluía a palavra Verão no seu título.

Nove Mil Dias e Uma Só Noite de Jessica Brockmole

ou

Sonhos Proibidos de Lesley Pearse 

ou

O Anjo Caído de Daniel Silva

 

8. Agosto, mês do calor e das férias (para muitos): um livro que se passe num local onde passaste férias ou gostarias de passar.

Aquele Instante de Felicidade de Frederico Moccia

 

9. Setembro, mês do regresso às aulas e às rotinas: ler um clássico da literatura mundial.

Anna Karénina de Lev Tolstoi 

ou 

Lolita de Vladimir Nabokov ***

 

10. Outubro, mês do Outono: ler um livro com tons outonais (cor-de-laranja ou castanho) ou que se passe no Outono.

?

a decidir  

 

11. Novembro, mês do Magusto e do Halloween: ler um livro que tenha castanhas na capa ou um livro de terror ou mistério.

O Complexo dos Assassinos de Lindsay Cummings

ou

Irmã de Rosamund Lupton

 

12. Dezembro, mês do frio, das luzes e do pinheiro: um livro relacionado com o Inverno ou Natal.

 ?

a decidir

 

* (se conseguir comprar o livro a um preço acessível)

** (o livro está escrito em língua espanhola e foi adaptado em 2015 à tela do cinema espanhol, registando recordes de audiência)

*** (procurei ler Lolita quando tinha uns dezoito anos, abandonado a leitura a meio... veremos por qual optarei)

2016: o ano dos desafios.


M*

02.01.16

A ideia é simples: para dois mil e dezasseis proponho-me a realizar três, talvez mais - ainda não sei bem - desafios. A plano foi fermentando na minha cabeça onde, ontem, por fim, enrijeceu e assumiu formas. Espero que o ano de dois mil e dezasseis seja marcado por coisas boas e quero deixar o seu registo... e, caso não seja este, de facto, o ano de mudanças que seja, pelo menos, o ano em que procurei superar-me. O meu problema com os desafios é que depressa me aborreço, ou me esqueço de registar, e como de pequenos passos se dá a mudança... comecemos o ano com desafios.

 

Bora (propositadamente assim escrito... como se fala na minha zona)  conhecer os meus desafios para dois mil e dezasseis?

tumblr_o089seBdph1qkik3go1_500.png

 

O primeiro desafio intitula-se 366 dias do meu ano em imagens e já começou no facebook e instagram. O plano é, como o título indica, mostrar pequenas coisas do meu dia-a-dia, especialmente através de fotografias tiradas por mim - mas não só -, que me fazem feliz. Procurar, mesmo nos dias mais tristes e ruins, alguma coisa que me faça sorrir, registar e partilhar. Pequenas coisas que fazem a diferença. O desafio será partilhado aqui, no blogue, não sei com que regularidade - uma vez por semana ou mês -, mas podem acompanhar-me nas redes sociais mencionada. 

Captura de ecrã 2015-01-2, às 10.50.38.png

Captura de ecrã 2015-01-2, às 10.51.04.png

 

Apelidado desafio das 52 semanas, o desafio foi roubado à Vanessa, nuages dans mon café, e à Ana, De repente já nos... 40!!!, onde acompanhei ou acompanho as suas escolhas. O desafio 52 semanas consiste em responder a cinquenta e duas questões, elaborando um top cinco de preferências, nos mais diversos temas. Uma vez por semana, possivelmente à segunda-feira, publicarei as minhas escolhas.

 

tumblr_libvtstNNW1qd6g2no1_500_large-11.jpg

 

E, para dois mil e dezasseis, sendo eu uma amante de livros, não poderia deixar de faltar um desafio literário ou 12 livros segundo os meses do ano. Roubado do blogue Champagne Choque, o desafio consiste em ler doze livros, um para cada mês de dois mil e dezasseis, mediante os temas seleccionados.

 

tumblr_m3mtznwi6v1qkcwdno1_500_large.jpg

 

Na verdade, pretendo envolver-me em mais do que um desafio literário. Manter o desafio das leituras conjuntas, junto das meninas do clube das pistogas que lêem - Magda, Nathy e Sofia -, ou de quem quiser comigo aventurar-se na leitura. Ler não é algo que necessite de desafios porém, quero ser capaz de me aventurar, superar, desafiar.

 

Não assumem contornos de desafio porém, acima de tudo, de resolução para este ano: reler alguns livros que me marcaram. Quero reler a saga Harry Potter e os livros A Sombra do Vento e Estrada da Noite, o primeiro de Carlos Ruiz Zafón e o último de Kristin Hannah - e esperando ler dois livros seus que reclamam atenção na estante dos livros por ler, O Rouxinol e Entre Irmãs. A releitura destes livros são desejos antigos, sobretudo a saga de J.K. Rowling, e embora não assumam contornos de obrigatoriedade como os desafios, quero ser capaz de dedicar um pouco de tempo a estes livros que marcaram uma parte da minha adolescência ou me marcaram pela delicadeza e sensibilidade das histórias - e basta pesquisar um bocadinho nas tags do blogue para compreender. 

 

tumblr_l58hypiZgA1qbln3h.jpg

 

A nível pessoal - perguntam vocês - existem outros desafios que num outro post procurarei partilhar... trabalho, amor, vida social.

 

O ano de dois mil e dezasseis é, para mim, um ano de desafio e, espero, de mudanças. Por isso, para o ano que ontem começou, este são os meus desafios... e para cada um deles criarei um separador específico. 

37 | Coisas de blogger... O melhor de 2015.


M*

29.12.15

A Just Smile desafiou-me a responder a um desafio sobre o melhor de dois mil e quinze. O desafio, como o nome indica, consiste e estás são as regras, em: 

   | fazer o top três de cada item;

   | substituir um dos itens iniciais por um outro à escolha, criado por vocês;

   | desafiar três blogues para continuar o desafio.

 

Conhecidas as regras do desafio o melhor de dois mil e quinze é hora de conhecer o meu top três em categorias diversas...

 

2015kkk.jpg

 

   | As 3 melhores músicas de 2015...

Let It Go de James Bay

Tu e Eu de Diogo Piçarra

Ecos de Amor de Jesse & Joy

 

   | As 3 melhores séries de 2015...

Não acompanho, à excepção d' A Guerra dos Tronos, qualquer outra série. O fim do wareztuga ditou a morte às séries... na verdade eu nunca fui dada a séries mas, antes do encerramento daquele site, ia acompanhando uma ou outra série, sendo elas, Duas Raparigas nas Lonas e My Fat Mad Diary. A primeira, Duas Raparigas nas Lonas, fiquei-me pela quarta temporada e desinteressei-me pela série; a segunda felizmente, mesmo após o encerramento do wareztuga, consegui concluir a série. Retomando o tópico, as três melhores séries do ano são:
A Guerra dos Tronos

My Fat Mad Diary

Mentes Criminosas - não acompanho as temporadas mas, sempre que me a apanho no AXN fico colada à série.

 

   | Os 3 melhores filmes de 2015...

Não frequento salas de cinema. A primeira razão prende-se com o facto de a sala de cinema mais próxima ficar a uns trinta quilómetros e, a segunda, com o preço elevado dos bilhetes de cinema. Porém, ainda assim, consegui visualizar algumas estreias e o meu top três de filmes são:

Samba

Ocho Apellidos Catalanes / Namoro à Espanhola

Still Alice / O Meu Nome é Alice

 

   | Os 3 momentos mais altos de 2015...

É um bocadinho triste escrever isto mas, confesso, não me é fácil identificar os três mais altos momentos do meu ano... o meu ano foi bastante normal e deprimente. Mas, num pequeno exercício de memória...

A amizade que prevalece e dura, apesar da distância, colmata com pequenas viagens às amigas e, por fim, conhecer a pequena Joaninha, filha de uma amiga da escola secundária.

O meu irmão, a celebração amor e a luta pelo crescimento.

E... por aqui me fico.

 

   | As 3 maiores mudanças da tua vida em 2015...

Uma das mudanças mais significativas do meu ano foi, com a saída do meu irmão de casa e da zona onde moramos, fui obrigada a conduzir com mais regularidade visto que o tinha a ele. Não gosto de conduzir, no entanto, o facto de ele já não estar tão presente exigiu mais de mim e isso levou-me a mudar a forma como encaro a condução. Por outro lado, a saída do meu irmão de casa alterou um pouco a dinâmica e as relações... O desemprego mantém-se... ou seja, poucas mudanças.

 

   | As 3 concretizações de 2015 que não foram cumpridas...

Actividade física regular.

Trabalhar.

Sair de casa.

 

A Just Smile, nas suas respostas, optou por identificar o top dos três melhores livros do ano. Uma vez que eu já identifiquei o meu top doze de melhores livros de dois mil e quinze e sendo-me difícil reduzir a lista para meramente três, opto por substituir esta categoria por:

 

   | Os 3 acontecimentos (nacionais ou internacionais) que considero mais marcantes de 2015...

A crise dos refugiados na Europa, bem como os atentados.

A adopção de crianças por casais homossexuais em Portugal (e não só... mas, por cá, é um passo gigante).

A mudança na política venezuelana. 

 

Para finalizar o desafio, as três seleccionadas para responderem às questões anteriores são... as últimas três  meninas que comentaram no blogue,

| Helena do blogue Diz Que Helena

| Carolina do blogue Gesto, Olhar e Sorriso 

| Nathy do blogue Desabafos da Nathy.

Coisas boas dos blogues... II.


M*

25.12.15

Os clube nasceu algures nos primeiros dias deste ano. Livros... é o amor pelos livros que caracteriza os elementos do imprevisível clube. Os primeiros emails (se a memória não me falha) trocados pelos quatro membros foi sobre livros. Foi a paixão pelas letras, personagens mil e histórias distintas, que uniu estas quatro pistogas e, com ela, está amizade mantida em trocas de mil e uns emails. O Clube das Pistogas Que Lêem, nome tão estranho e comprido, é a prova de que as amizades podem nascer de um blogue e manter-se à distância física de um email, alimentadas por bocadinhos do dia-a-dia, pequenas coisas que acontecem, pedaços de cada um dos seus elementos. A Magda, do StoneArtPortugal, a Nathy, do Desabafos da Nathy, e a Sofia, do blogue Sofia Margarida, inundam-me a caixa de email do blogue com mil e uma mensagens, perdendo-me no meio da confusão de palavras, tornando-se mais do que companheiras de leitura.

 

20151224_215721_Fotor_Collage.jpg

 (adorei o mocho e o porta-mensagens com a frase "Ler é... ganhar asas para o mundo!", três doces pais natais de chocolate, uma bolsinha com um colar inicial M e o postal de Natal)

 

A Nathy surpreendeu-me com este miminho doce de Natal. Um presente que chegou no dia certo... pequenas coisas que me encheram, novamente, de alegria e tornaram, deste, um Natal especial. Uma mensagem que me comoveu... e me roubou as palavras. Um gesto simples que significa muito. O melhor do meu ano é este cantinho e quem do outro lado me acompanha e tanto carinho demonstra pelo testamentos que escrevo, este clube de pistogas apaixonadas por livros que tão especiais. Que dois mil e dezasseis seja um ano repleto de emails, livros e diversas leituras conjuntas.

36 | Coisas de blogger... ouve esta música.


M*

26.11.15

A Ana, do blogue De Repente Já Nos... 40!!!, desafiou-me para responder a uma série de questões relacionadas com músicas. Música é, tal como livros, algo essencial e importante, sem a qual não consigo viver. Parece simples... só que, na verdade e confesso-o, não o é. Bora descobrir as minhas respostas e sugestões musicais?

 

thumbs.web.sapo.io.jpg

 

1. Qual é a música que descreve melhor o teu estado de espírito? Porquê?

Questão de resposta complicada. Sou um bocadinho confusa. Não me entendo e, admito, não me sei definir. Mas, porque este é um desafio musical e exigem-se respostas musicais, identifico-me muito com esta música:

 

2. Preferes pop ou rock?

Pop. Não sou fã de musicas barulhentas... vou escutando rock mas não é algo que me cative. Sou fã das musicas ditas comerciais, daquelas famosas que passam na rádio, adoro musica espanhola e latina... e, sim, podem dizer que tenho péssimo gosto musical. Música é sempre música, independentemente do género. 

 

3. Que música te faz lembrar o amor?

Uma? Somente uma? Impossível! As músicas que me fazem lembrar o amor são...

Limito-me a estas cinco músicas, embora mais pudesse indicar. 

 

4. Que música te faz dançar?

Qualquer música latina ou brasileira... Enrique Iglesias, Chino y Nacho, Gente de Zona, Marc Anthony, Gustavo Santos. Ora escutem,

... não vos deu vontade de dançar?

O meu gosto pela música latina é, inevitavelmente, associado às raízes latinas... e eu adoro! 

 

5. Cantor e grupo português favoritos?

Adoro os cantores Diogo Piçarra, Tiago Bettencourt, António Zambujo e Carminho. Relativamente a grupos musicais: Xutos e Pontapés, Deolinda e Os Azeitona.

 

6. Qual é a tua opinião sobre espectáculos musicais? Se for positiva, diz-me a tua canção musical favorita.

Gosto imenso e tenho pena de não ter oportunidade de assistir a mais. Um dos espectáculos que jamais esquecerei, adorei e chorei de alegria foi assistir a James Morrison... simplesmente espectacular! Estava excitadíssima de felicidade!

 

Mais sobre mim

foto do autor

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D