Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de Maria, 29 anos*

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de Maria, 29 anos*

A verdade das saudades de escrever.


M*

05.07.16

A verdade é que eu sinto saudades de escrever. A verdade é que, igualmente e tristemente, não tenho conseguido escrever. Falta-me o tempo; ou saber organizar-me. Falta-me a vontade; ou a paciência de quem sente o desgaste físico de um trabalho esgotante. Falta-me algo. Escrever. Sinto falta de escrever: sobre mim, sobre as minhas leituras, sobre os meus mil e uns pensamentos. Ler. Ler livros, partilhar leituras, ler quem se relê nas minhas palavras. A verdade é que regresso... ou procuro regressar àquilo de que tanto sinto falta. Amanhã escrevo sobre livros. Hoje escrevo sobre saudades.

 

nknldr

 

2.


M*

04.01.16

 

Era uma manhã de sábado, no meio de mil e um sentimentos de uma vida, nasce um blogue. O primeiro post é publicado às 13h25, depois de um passeio junto ao mar - recordo-me bem -, os passos seguintes são pequenos e indecisos. O blogue, este blogue, tenho-o dito várias vezes, nasceu num momento de mudança negativa da minha vida, dos medos e receios, num turbilhão de mil sentimentos. Precisava de encontrar um pouco de paz, de conforto, de esperança... escrever e desabafar o que me ia na alma. Escrever sempre teve um efeito calmante e foi numa tempestade de pensamentos que nasceu a M* e Um Mar de Pensamentos

 

Era uma manhã de sábado igual às demais manhãs, cismava nos mesmos pensamentos negativos, precisava de mudar. Sou repetitiva. Já o mencionei mais do que uma vez no passado, mas não me canso de referir que estava longe de imaginar tudo o que de bom escrever me daria. Um espaço onde nascem amizades, onde me sinto acarinhada, onde partilho uma das maiores e mais importantes paixões. Renasci nas palavras, nos gestos de carinho, nas amizade que crescem, nas partilhas de pedaços de vida.

 

Era uma manhã de sábado e hoje, dois anos depois, apesar dos altos e baixos do blogue e da minha vida, permaneço aqui, num espaço que me faz feliz...

 

tumblr_nla8lb2TpD1r1d04qo1_540.png 

 

4 de Janeiro de 2014, 13h25: uma data especial.

Coisas boas dos blogues... II.


M*

25.12.15

Os clube nasceu algures nos primeiros dias deste ano. Livros... é o amor pelos livros que caracteriza os elementos do imprevisível clube. Os primeiros emails (se a memória não me falha) trocados pelos quatro membros foi sobre livros. Foi a paixão pelas letras, personagens mil e histórias distintas, que uniu estas quatro pistogas e, com ela, está amizade mantida em trocas de mil e uns emails. O Clube das Pistogas Que Lêem, nome tão estranho e comprido, é a prova de que as amizades podem nascer de um blogue e manter-se à distância física de um email, alimentadas por bocadinhos do dia-a-dia, pequenas coisas que acontecem, pedaços de cada um dos seus elementos. A Magda, do StoneArtPortugal, a Nathy, do Desabafos da Nathy, e a Sofia, do blogue Sofia Margarida, inundam-me a caixa de email do blogue com mil e uma mensagens, perdendo-me no meio da confusão de palavras, tornando-se mais do que companheiras de leitura.

 

20151224_215721_Fotor_Collage.jpg

 (adorei o mocho e o porta-mensagens com a frase "Ler é... ganhar asas para o mundo!", três doces pais natais de chocolate, uma bolsinha com um colar inicial M e o postal de Natal)

 

A Nathy surpreendeu-me com este miminho doce de Natal. Um presente que chegou no dia certo... pequenas coisas que me encheram, novamente, de alegria e tornaram, deste, um Natal especial. Uma mensagem que me comoveu... e me roubou as palavras. Um gesto simples que significa muito. O melhor do meu ano é este cantinho e quem do outro lado me acompanha e tanto carinho demonstra pelo testamentos que escrevo, este clube de pistogas apaixonadas por livros que tão especiais. Que dois mil e dezasseis seja um ano repleto de emails, livros e diversas leituras conjuntas.

Coisas boas dos blogues.


M*

19.12.15

Numa manhã fria de Janeiro, à quase dois anos (falta menos de um mês), quando criei este blogue não tinha nenhum objectivo. Não ambicionava nada. Não esperava nada. Queria um espaço só meu, onde encontrasse um pouco de conforto, desabafando o que me ia na alma, os medos, as incertezas, os sonhos e as alegrias,  para quem me quisesse ler. Porém, aos poucos e poucos, o que começou por ser uma espécie de diário virtual cresceu, marcado pela minha necessidade de falar sobre livros... tudo o que lia ficava comigo e não encontrava com quem partilhar. Foi, graças a um livro, que eu não gostei mas ela sim, incentivando-me para que o relê-se, onde de simples comentários nasceu a amizade... e de gestos como estes que significam muito para mim,

 

20151218_220642_Fotor_Collage.jpg

(um pai natal num fofo saquinho de cartão, um pequeno caderno e um postal natalício)

 

A Magda, do blogue StoneArtPortugal e StoneArtBook, presenteou-me com este pequeno miminho natalício e uma mensagem cheia de carinho. Pequenos gestos que me enchem o coração. Coisas boas que nascem na blogosfera. Obrigada Magda... e que dois mil e dezasseis seja o ano dos encontros e das conquistas. 

não sei que título dar a este post...


M*

14.07.15

ora vamos lá ver: sou só eu que sou maluca e que, mesmo não tendo escrito nada por cá ou recebido qualquer notificação, venho ver se o blog está no sítio umas mil vezes ao dia?

 

blog-2.jpg

  

e, de resto, já escolheram a minha próxima leitura? basta seleccionarem as devidas opções ou, em alternativa, indicar nos comentários. 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D