Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de Maria, 29 anos*

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de Maria, 29 anos*

No dia dos Avós,


M*

26.07.14

que se celebra hoje, 26, uma homengem aos meus avós e a todos os avós pelas palavras de José Saramago. Carta a Josefa, minha avó é uma homenagem do escritor português na voz de André Raposo. Um vídeo bonito e tocante.

 

O mundo é tão bonito e eu tenho tanta pena de te perder.

E, porque existem histórias que merecem ser partilhadas, independentemente do país onde ocorram, uma história de amor entre neta e avó.

Follow Friday | Páginas Tantas


M*

25.07.14

Eu não conheço a Ana Luísa. Nunca a vi, nunca falei com ela e conheci o seu projecto por mero acaso, nas minhas divagações virtuais. Porque acredito que a Ana Luísa é uma menina de coragem e porque acredito nestes pequenos gestos como forma de a ajudar, o meu destaque vai para ela e para o seu projecto, o

 

Páginas Tantas

 

A Ana Luísa é, como eu em tempos fui, estudante de Mestrado e, no seu blog, vende livros da sua biblioteca pessoal ou doados e, assim, pagar as propinas inerentes à sua formação na Escola Superior de Educação de Coimbra. À Ana Luísa, votos sinceros de sucesso e felicidade.

Quanto a mim, depois de cuscar a minha biblioteca pessoal, quiçá tenha um ou dois livros para doar... e alguns para comprar.

Impossível ficar indiferente a esta dor.


M*

25.07.14


Não quero saber quem começou a guerra. Não me interessa quem são os culpados. Pouco me importa como se acaba com o conflito. Mas ninguém se devia calar perante imagens como esta. Estas crianças choram a morte dos pais. Foram fotografadas por Mohammed Salem da Agencia Reuters e estão hoje nas páginas da Visão. A casa onde viviam foi bombardeada. Acham que vão ser adultos tolerantes? Que merda de mundo.


Hélder Silva, jornalista da RTP

Desabafo # 7


M*

22.07.14

Primeiro ele. Depois eu. Medos, sonhos e muitos e se à mistura. Quando ele quis, eu disse não. Excesso de romantismos, eu queria algo verdadeiro; ele, uma simples amizade colorida. Agora que eu quero, porque a solidão me assusta, ele diz-me que não. O tempo passa e eu sinto que o meu tempo me escapa, sem saber como o agarrar. Voltas da vida. 

É assim tão complicado encontrar alguém para amar? Amor, simples. Sem amizades coloridas. Amar alguém e ser amada. Mas onde é que tu andas, afinal? Quanto tempo vais demorar a aparecer? Será que perceberei ou continuarás a fugir-me? 

Tenho saudades de um abraço, de um beijo, de um carinho. Tenho saudades de ti sem nunca te ter conhecido. Preciso de ti... mais do que imaginas! Não demores, por favor.

Puta de vida... confusa, complicada, difícil.

Mais sobre mim

foto do autor

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D