Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de Maria, 29 anos*

Um Mar de Pensamentos

Um mar de leituras. Um mar de sonhos. Um mar de conquistas, lutas e fracassos. Um mar de mil pensamentos. O diário de Maria, 29 anos*

18/52S | Sinto saudades…


M*

08.05.16

imagem do desafio 52s .jpg

 

| Vida Académica |

A minha história universitária, apesar dos seus altos e baixos, deixou saudades. É a saudade, li algures por aí, prova de que valeu a pena. Recordações de uma cidade que nunca será a mesma, amigos que tardam em reencontra-se, festas que aguardam chegadas... a vida académica marca pela nostalgia do que vivi e do que gostaria de ter vivido. 

 

| Avó |

O meu avó morreu quando eu tinha uns doze ou treze anos. Nunca tive muito contacto com ele mas, apesar de tudo, os momentos curtos que vivemos juntos ficaram marcados no coração. Sinto saudades dos abraços, das histórias que me contava e das brincadeiras que guardo no mais profundo de mim... deixou-me cedo demais.

 

| Venezuela |

É o meu país natal e é de lá que guardo as melhores memórias de infância. Presentemente, a situação política e social não é favorável, na verdade, é assustadora mas, para mim, há lembranças que o tempo nem as crises apagam... sinto saudades das músicas, das pessoas alegres, dos cheiros e dos locais onde fui feliz. Por vezes, confesso, dou por mim a imaginar o meu dia-a-dia se os meus pais tivessem permanecido por lá: quem seria eu?

 

| Não ter preocupações |

Ou, na verdade, a preocupação maior era saber como iria organizar o quarto para brincar às bonecas... A vida de adulto, com todas as suas responsabilidades, é tramada e eu sinto-me perdida quando sou confrontada com decisões que podem mexer o meu futuro. 

 

| Namorar |

Sinto, confesso, saudades de namorar... abraçar, beijar, acarinhar. Um namorar simples, recheado de gestos simples, que nascem do nada e chegam do fundo da alma. Não, desenganem-se quem pensa que sinto saudades de um ex-namorado... do que eu realmente sinto falta é do bom que é um namoro ingénuo dos primeiros tempos.

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D